Carneiro Hidráulico "MARUMBY"
 
 



O Carneiro Hidráulico também conhecido como ARIETE, é um aparelho que eleva água a determinado ponto, necessitando para o funcionamento, água em abundância e uma diferença de nível entre a superfície da água a ser elevada e o lugar onde se encontra instalado o Carneiro. O trabalho do Carneiro é ininterrupto e não exige outra despesa senão o custo do material da instalação, portanto, ideal para o abastecimento de água para Fazendas, Chácaras, Estabelecimentos Fabrís, etc. Para pôr em funcionamento o Carneiro, aciona-se por algumas vezes a haste da válvula, suspendendo-a em seguida, afim de paralisá-la. A escolha do tamanho do Carneiro deve ser feita de acordo com o volume d'água disponível. A capacidade de elevação pode ser calculada teóricamente , conforme fórmula que damos abaixo, porém, não se obterá resultado satisfatório com uma queda inferior a 1 metro.

     
 
 
     
 
Recomendações para a instalação do Carneiro "MARUMBY"
 
 
 
     
 
A colocação certa do Cano de Alimentação "C" é muito importante. Recomendamos pois, que sejam observados os seguintes ítens:
- Colocar o encanamento o mais reto possível, conforme esquema na gravura acima, sendo a posição 1) correta; 2)admissível; 3) errada.
- O comprimento do cano de alimentação "C" deve ser aproximadamente igual à:
(em metros).
 
 


C=D/100 + B + 0,3 B/A

 
 
 
 
- O cano de alimentação deverá ser de ferro galvanizado.
- O recalque da água é produzido pelo ar comprimido dentro do bojo do carneiro. Trabalhando continuamente, este ar tende a diminuir até paralisar o movimento do martelo. para evitar o esgotamento rápido do ar, fura-se o cano de entrada "E" com broca de 1 a 2 mm. de diâmetro a uma distância de 10 a 20 cm. do carneiro, conseguindo assim a aspiração de pequena quantidade de ar que fica retido no bojo com cada movimento da válvula. Quando o carneiro parar por falta de ar, remove-se o bujão disposto na parte lateral da base do carneiro, para dar vasão à água acumulada neste.
- O cano de elevação "D" poderia ter comprimento ilimitado, se não fossem as perdas pela fricção (1 metro de altura "B" em cada 100 metros de comprimento "D"), portanto, deverá ser colocado o quanto mais reto possível, evitando-se joelhos e curvas fechadas e, sempre em elevação crescente para evitar bolsas de ar, que, prejudicam a passagem livre da água pelo cano e conseqüentemente a produção do carneiro.
- Recomendamos a colocação de uma válvula de retenção, no cano de elevação "D", a uma distância de 50cm. do Carneiro. Além desta, torna-se necessário colocar outra válvula de retenção, na metade da diferença de nível da letra "B".